Atenção
Homem morre ao mexer no celular de modo errado; nunca faça isso
Marcos, de 46 anos, teve convulsão após receber descarga elétrica no ES.

Publicado em 08/03/2021 13:03

Foto/Reprodução


Via I7 News - Marcos Teone Barbosa da Costa tinha 46 anos e morreu neste domingo (7), na cidade de Pancas, no Espírito Santo. A morte do homem tem detalhes que servem de alerta para qualquer pessoa que tenha celular em casa – hoje em dia, há mais de um aparelho para cada habitante do Brasil.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Marcos carregava o celular quando resolveu mexer.

Esta prática, de mexer no aparelho enquanto ele está carregando, é muito comum. Se você não faz isso, certamente conhece alguém que o faz. Os riscos são grandes. Marcos estava na varanda de sua residência, carregando e mexendo no aparelho.

Choveu muito no estado do Espírito Santo, neste domingo. De acordo com a Defesa Civil, o homem recebeu um descarga elétrica pesada. Após o choque, Marcos teve convulsão e morreu em casa. O corpo foi encaminhado ao Serviço Médico Legal (SML) da cidade de Colatina.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Não mexa no celular enquanto ele estiver carregando

Diante de uma fatalidade como que a aconteceu na cidade de Pancas, a recomendação é que o aparelho celular não seja utilizado enquanto estiver sendo carregado.

O risco de receber um descarga elétrica existe e pode ser falta, como foi para Marcos.

Há também pessoas que deixam o aparelho carregando durante a noite. Até aí, não há um problema. O problema é quando a pessoa conecta o aparelho no carregador e o deixa na cama, ao lado do travesseiro. Existe também o risco de receber uma descarga elétrica.

O ideal é deixar o aparelho em um móvel próximo a cama ou até mesmo no chão. Morrer ao receber uma descarga elétrica por causa do celular parece algo fora de cogitação, mas todo cuidado é pouco.


COMPARTILHAR NO WHATSAPP