Veja
BBB20: Pyong é investigado por assédio sexual. Entenda

Publicado em 11/02/2020 19:13

Foto/Reprodução


O hipnólogo Pyong é alvo de um inquérito da Delegacia de Atendimento à Mulher de Jacarepaguá por um possível assédio sexual cometido contra Flayslane e Marcela Mc Gowan no Big Brother Brasil 20.

As informações foram confirmadas para o Jornal Extra pela delegada titular Catarina Noble. “Esse tipo de comportamento de alisar as moças sem o consentimento delas deve ser combatido dentro e fora do programa”, disse ela à publicação.

O suposto assédio teria ocorrido durante a festa de sábado (08/02/2020) do BBB20, em que o hipnólogo tentou beijar Marcela diversas vezes e ainda apalpou a bunda da cantora Flayslane na frente das câmeras.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

De acordo com a responsável pelo inquérito, os envolvidos no caso serão ouvido apenas quando forem eliminados do programa. “Nós entendemos que essa espera para ouvir tanto o Pyong como as moças envolvidas não afetará a investigação”.

Catarina ainda lembrou: “Quando um homem passa as mãos ou as partes íntimas dele em outra mulher, sem que ela tenha consentido, ele pode ser enquadrado na lei de assédio sexual, com pena prevista de 1 a 5 anos de prisão”.

 


COMPARTILHAR NO WHATSAPP